Sexta, 24 de Novembro de 2017

Preso envolvido em assalto a desembargador

29 JUL 2010Por 23h:08
Vânya Santos

Policiais da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) apreenderam ontem, por volta das 11h, o menor W.B.R.J., de 16 anos, acusado de ter assaltado a residência do vice-presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ/MS), o desembargador João Batista da Costa Marques, 66 anos. O assalto aconteceu na noite de segunda-feira. De acordo com o delegado Fábio Peró, responsável pelo caso, o adolescente agiu com um comparsa, identificado como Airton de Brito Júnior, o Bolacha, 19 anos, que ainda não foi localizado.
Na noite da última segunda-feira, a dupla, armada, caminhava pelo Bairro Jardim Autonomista, em Campo Grande, e aproveitou a oportunidade em que o portão do imóvel do desembargador estava aberto. Airton e o menor renderam o vigia, que reagiu e foi agredido. Na sequência, entraram na residência, onde João Batista estava. O delegado afirmou que o vice-presidente do Tribunal de Justiça não foi agredido.
Na ocasião, os ladrões roubaram R$ 8 mil, três relógios, um notebook e uma pistola ponto 40. Depois do crime, eles fugiram a pé até encontrar um táxi, que os levou para uma casa na Chácara dos Poderes. Duas equipes da Derf estiveram na casa do desembargador, na noite do crime, e apresentaram um arquivo fotográfico de possíveis autores, mas o magistrado não os reconheceu.
O delegado explicou que agentes deram início a um trabalho de investigação, que resultou na identificação dos acusados, que moram na Vila Margarida.

Apreensão
Cada um dos acusados ficou com R$ 4 mil. Com parte deste dinheiro, o menor comprou uma motocicleta Titan, veículo com o qual sofreu um acidente na terça-feira, no Bairro Estrela Dalva. O adolescente contou que foi “fechado” por um carro e caiu. Ele recebeu atendimento no Posto de Saúde do Nova Bahia.
Na noite de terça, o menor, Airton e amigos se reuniram na Chácara dos Poderes, onde passaram a madrugada consumindo droga e jogando baralho. No entanto, pouco antes de amanhecer, Airton deixou o local e o adolescente permaneceu dormindo, ocasião em que foi flagrado pela polícia. Em poder de W.B.R.J. foi encontrada a motocicleta, um revólver calibre 22, com cinco munições, a pistola ponto 40 do desembargador, municiada, cerca de 700 gramas de maconha, 70 gramas de cocaína e R$ 1,2 mil.
De acordo com Peró, o menor tem passagem por homicídio, furto, porte ilegal de arma e será encaminhado para a Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude. Já Airton é evadido da Colônia Penal Agrícola e tem passagem por tentativa de homicídio, roubo, furto e porte ilegal de arma.

Leia Também