Sábado, 18 de Novembro de 2017

Prefeitura abre vagas para 50 médicos

12 MAR 2010Por 08h:18
A prefeitura abriu inscrição para contratar 50 médicos em regime de emergência, sem concurso público. Eles vão trabalhar nas 9 unidades de saúde 24 horas que nos últimos dois meses tiveram uma sobrecarga de pacientes por causa da epidemia de dengue. Os contratados vão ganhar R$ 500,00 por plantão de 12 horas até o limite de 14 plantões, o que garante remuneração de R$ 7 mil por mês. Até agora já foram recrutados 10. Como todos os aprovados no último concurso foram convocados e empossados, a secretaria decidiu contratar clínicos-gerais e pediatras em regime de urgência para preencher a escala durante o dia e de segunda a sexta-feira. As escalas noturnas e dos finais de semana estão preenchidas. O ideal são cinco médicos por plantão de 12 horas. Ontem à tarde, por exemplo, só havia pediatras em dois 24 horas, nas Unidades de Pronto Atendimento da Vila Almeida e da Coronel Antonino. Nas demais, apenas clínicos gerais para casos de emergência, caracterizados quando os sinais vitais do paciente estão alterados. Com isto, quem procurou, por exemplo, um pediatra nas Moreninhas teve de atravessar a cidade, fazer um trajeto de 20 quilômetros, para chegar onde havia o atendimento que buscava. Segundo a coordenadora de urgência da Secretaria Municipal de Saúde, Gislaine Poleto, a falta de pessoal foi agravada nos últimos meses porque muitos médicos saíram para fazer residência médica ou simplesmente demitiram-se. O quadro atual é de 800 médicos e, segundo o sindicato da categoria, seria preciso o reforço de 300 para fechar a escala de todos os dias. O quadro atual é formado por 659 clínicos-gerais (sendo 575 plantonistas e 84 de ambulatório), 226 pediatras e 164 especialistas. De acordo com Gislaine, apenas quando não há pacientes avaliados com código vermelho, o médico da urgência realiza atendimentos das áreas amarela, verde ou azul, quadros menos graves. Os médicos interessados na oferta de trabalho da Secretaria Municipal de Saúde devem procurar a Coordenadoria de Urgência da Sesau, instalada na rua Bahia, 280, no horário das 7 às 11 horas e das 13 às 16h30min. (FP)

Leia Também