Segunda, 20 de Novembro de 2017

Prefeito trata hoje de liberação de recursos

29 MAR 2010Por 10h:56
O prefeito Nelsinho Trad (PMDB) participa hoje em Brasília da solenidade de lançamento da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC-2) e aproveita sua presença na capital federal para se reunir com os ministros da Casa Civil, Dilma Roussef, e do Planejamento, Paulo Bernardo. Nelsinho leva a documentação e os projetos para acertar o repasse dos R$ 20 milhões assegurados há 10 dias para as obras de reparo dos estragos provocados pelo temporal do último dia 27 de fevereiro. O prefeito espera que o seu relacionamento pessoal com a ministra Dilma garanta, se não a totalidade, pelo menos boa parte dos R$ 429 milhões reivindicados para obras de recapeamento asfáltico, ampliação de parques lineares, projetos na área de mobilidade urbana. Dos investimentos orçados em sete projetos, o Governo federal repassará R$ 390,7 milhões e a prefeitura dará contrapartida de R$ 38,6 milhões. Só para o recapeamento da área central e dos principais corredores do transporte coletivo, o investimento previsto é de R$ 266 milhões. Deste total, o recapeamento da região central, abrangendo vias como as avenidas Calógeras, Mato Grosso e Afonso Pena, além da Bandeirantes e Bandeira, vai custar R$ 117 milhões. Outros R$ 149,8 milhões estão programados para a implantação de 25 corredores do transporte coletivo, que terão novos pontos do transporte coletivo e unidades rápidas de embarque e desembarque. Outros projetos A obra de pavimentação dos bairros situados na bacia do Córrego Bálsamo custará R$ 42,4 milhões. A segunda etapa do Imbirussu Serradinho, que prevê a pavimentação das linhas de ônibus em oito bairros, custará R$ 33,3 milhões. A parte dois de urbanização do Córrego Cabaça poderá ter R$ 12 milhões; enquanto a segunda etapa do Córrego Segredo, mais R$ 19,4 milhões. O pacote de investimentos ainda inclui a construção do novo acesso à região das Moreninhas, que passará pelos bairros Rita Vieira e Itamaracá, e o prolongamento das avenidas Guaicurus, até a Avenida Gunter Hans, e Ernesto Geisel, até o macroanel rodoviário.

Leia Também