Sexta, 17 de Novembro de 2017

Polícia prende o acusado da morte de travesti

25 AGO 2010Por 05h:47
Vânya Santos

O auxiliar de pedreiro Estevão Ricardo Fonseca Duarte, de 28 anos, está preso, acusado de matar o travesti Sidney Nascimento de Souza, 31 anos, com golpes de tesoura. O crime aconteceu na madrugada do último dia 21, na Capital. O suspeito foi localizado ontem, no Bairro Estrela do Sul, em ação conjunta da equipe do Serviço de Investigação Geral da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário e 1ª Delegacia de Polícia. Até o fechamento desta edição, ele ainda prestava depoimento.
A polícia não descarta a possibilidade de pedir que a Justiça delibere a prisão preventiva ou temporária do acusado. Estevão teria confessado que bebeu em companhia da vítima numa conveniência nas proximidades do Camelódromo e que o desentendimento ocorreu porque o suspeito se recusou a manter relação sexual com o travesti.
O crime ocorreu numa residência na Travessa Lázaro Gonçalves Martins, centro de Campo Grande. O corpo da vítima foi encontrado despido, com sinais de espancamento e três perfurações no peito. Policiais encontraram a tesoura suja de sangue no quintal da residência.
No local havia vários móveis e objetos quebrados e as paredes estavam manchadas de sangue, indicando que houve luta entre o travesti e o autor do crime. Além da tesoura, foi apreendida uma cadeira ensaguentada e quebrada, uma barra de ferro, que poderia ter sido usada pelo assassino e maconha. Sidney foi visto pela última vez saindo da Boate Bistrô acompanhado de um homem.

Leia Também