Quarta, 22 de Novembro de 2017

Philips acelera cortes de custos após prejuízo no 1° tri

14 ABR 2009Por 20h:30
     

        

 

A Philips Electronics pretende acelerar sua reestruturação depois de ter registrado um surpreendente prejuízo no primeiro trimestre, período em que a recessão global abateu as vendas. A empresa informou não ver melhora dos mercados no segundo trimestre.

 

No primeiro trimestre, o prejuízo antes de juros, impostos e amortização (Ebita na sigla em inglês) foi de 74 milhões de euros (97,7 milhões de dólares), ante lucro de 265 milhões de euros em igual período do ano passado.

 

Analistas previam um lucro de 35 milhões de euros, segundo pesquisa da Reuters com 20 prognósticos, que oscilaram de perda de 33 milhões de euros a lucro de 155 milhões de euros.

 

A Philips divulgou que reforçará cortes de custos durante o segundo trimestre, especialmente na unidade de iluminação. Esse movimento resultará em uma despesa de até 140 milhões de euros, mas também aumentará a economia anual em 100 milhões a 500 milhões de euros até o final do ano.

 

Com informações do Estadão

Leia Também