Domingo, 19 de Novembro de 2017

PG retorna a Campo Grande para divulgar seu quarto álbum solo

13 MAI 2010Por 19h:19

OSCAR ROCHA

 

Influenciado por bandas como The Who e Queen, um dos principais nomes do gospel nacional, PG, se apresenta hoje, às 18h, no Espaço Alternativo – Rua 13 de Maio 2.647. Ele retorna a Campo Grande divulgando o quarto álbum solo, "A conquista", lançado em fevereiro. "Ainda está sendo amamentado, é bem novinho", brinca o cantor em entrevista, de São Paulo, ao Correio do Estado, ontem pela manhã.

Segundo o músico, as apresentações na Capital são frequentes. "Pelo menos, uma vez por ano, toco na cidade. É um público muito bom, atento ao que faço", justifica.

Na cena artística desde o início da década de 1990, participou durante seis anos da banda Oficina G3, que conta com muitos fãs dentro do segmento gospel. "Optei por sair da banda por não estar feliz, não estava concordando com algumas coisas".

O músico diz unir sem problema a religiosidade – "me defino como protestante ou evangélico, como é mais popularmente conhecido" – com o rock – "Sempre ouvi muito Beatles, Black Sabbath, Led Zeppelim, é esse tipo de música que faço". Para o novo CD, foi buscar inspiração nos discos conceituais da década de 1970, quando a ópera rock era uma tendência. "Tem muito disso no disco. As músicas estão ligadas, contam uma história de um cristão e sua conquista. No caso, a conquista não se refere a bens materiais, mas a conquista da eternidade. Não são com as coisas vistas pelo homem, mas por Deus", explica.

Para levar o enredo ao palco, como acontece nesse tipo de empreitada, recursos teatrais são utilizados, assim como efeitos visuais. "Preparamos um show bem cuidado para turnê de divulgação". Mesmo sendo um show em cima do repertório do novo CD, as canções mais antigas não ficarão de fora. PG é acompanhado por 4 instrumentistas, um guitarrista, um tecladista, um baterista e um baixista.

Leia Também