Sábado, 18 de Novembro de 2017

PF rastreia caminho do dinheiro que Dantas teria lavado

9 JUL 2008Por 20h:50
     

São Paulo

 

O dinheiro saiu do Banco Opportunity, passou por dois paraísos fiscais no Caribe, pela Irlanda e pelos Estados Unidos antes de retornar lavado ao Brasil como se fosse investimento estrangeiro. Esse foi, segundo as investigações da Polícia Federal, o caminho percorrido pelos valores movimentados, entre 1992 e 2004, pelo Opportunity Fund, do banqueiro Daniel Dantas - e que, no total, chegariam a US$ 1,97 bilhão. A sede da operação ficava nas ilhas Cayman.

        O esquema representou, na avaliação de delegados da PF, o eixo central das irregularidades que levaram à deflagração, na terça-feira, da Operação Satiagraha - que levou à prisão de Dantas, do investidor Naji Nahas, do ex-prefeito de São Paulo, Celso Pitta, e de mais 14 pessoas. Eles e mais 7 pessoas ainda não capturadas são acusados de evasão de divisas, lavagem de dinheiro e outras irregularidades. A cobertura completa está na edição de amanhã do jornal Correio do Estado.

         

        As informações são da Agência Estado

Leia Também