Domingo, 19 de Novembro de 2017

PF prende quadrilha que extorquia agricultores em SP

10 JUN 2008Por 17h:18
     

 

 

A Polícia Federal desencadeou hoje (10), em Sorocaba (SP), a operação Capelinha, que visa desarticular uma organização criminosa, que praticava fraudes contra uma associação de agricultores familiares. Ao todo, a quadrilha roubou mais de R$ 1,3 milhão, em investimentos obtidos junto ao Banco Terra, com recursos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

 

Os 80 policiais envolvidos na operação cumpriram 12 ordens de busca e apreensão e 14 mandados de prisão nas cidades de Sorocaba, Itu, Taquarivaí e Buri. A Polícia Federal informou que a quadrilha era composta por advogados e empresários, que extorquiram e pressionaram os associados, que passavam por dificuldades financeiras, a venderem suas terras por valores abaixo do mercado. Os presos responderão processo por crime de extorsão, estelionato e formação de quadrilha, com penas que podem alcançar até 10 anos de reclusão.

 

 

Leia Também