Sábado, 18 de Novembro de 2017

PF prende Daniel Dantas, Naji Nahas e Celso Pitta

8 JUL 2008Por 20h:24
     

São Paulo

 

O banqueiro Daniel Dantas, dono do grupo Opportunity, o investidor Naji Nahas e o ex-prefeito de São Paulo, Celso Pitta, foram presos na manhã de hoje, pela Polícia Federal (PF), durante a Operação Satiagraha, que investiga esquema de desvio de verbas públicas, corrupção e lavagem de dinheiro, em ações coordenadas em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Salvador, mas concentrada na capital paulista. O delegado Protógenes Queiroz comandou mais de 300 agentes da PF envolvidos nos trabalhos que incluíram 24 mandados de prisão e 56 de busca e apreensão.

Além de Daniel Dantas, foram presos os principais diretores do Opportunity. Todos foram trazidos para São Paulo. Entre eles estão a irmã de Dantas, Verônica; seu ex-cunhado e diretor do Opportunity, Carlos Rodemburg; o diretor Arthur Joaquim de Carvalho; o presidente do grupo Opportunity Dorio Ferman; a advogada Maria Amália Coutrim, e o funcionário Rodrigo Bhering de Andrade. Todos são acusados pela PF de formação de quadrilha; gestão fraudulenta; evasão de divisas; lavagem de dinheiro e sonegação fiscal.

A cobertura completa do caso está na edição de amanhã do jornal Correio do Estado.

Leia Também