Quinta, 23 de Novembro de 2017

PF escala delegado só para investigar a Aneel e a Enersul

31 JUL 2008Por 21h:10
     

        Vera Halfen

        Enquanto que, em média, cada delegado da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul tem de 50 a 60 inquéritos sob sua responsabilidade ao mesmo tempo, para a investigação das denúncias envolvendo a Aneel e a Enersul o comando nacional da PF designou um delegado exclusivamente para cuidar do caso. Pio Vergara Alonso, que na quarta-feira ouviu o deputado estadual Marquinhos Trad e hoje tomou depoimento de Miguel das Chagas Brito Sobrinho, da Aneel, em Brasília, foi remanejado do Rio Grande do Sul somente para apurar se ocorreu má-fé no superfaturamento das tarifas de energia em Mato Grosso do Sul.

Leia Também