Sábado, 18 de Novembro de 2017

Petistas rebatem governador e asseguram que não fazem jogo duplo

24 ABR 2009Por 23h:47
     

LIDIANE KOBER

 

A notícia de que o governador André Puccinelli (PMDB) levou várias vezes os petistas para "motel eleitoral" e que já negociou aliança com "quase todo o PT de Mato Grosso do Sul" causou revolta entre os líderes do partido. Eles se sentiram ofendidos com a insinuação de que estariam fazendo "jogo duplo" e concluíram que a intenção do governador foi criar factóide para enfraquecer o PT. Segundo lideranças da legenda, quem se oferece para firmar parceria nas eleições de 2010 é Puccinelli. "O PT que é convidado para ajudar eleger o André, o que não é vantagem para a sigla porque temos chances de vitória", ressaltou o deputado estadual Paulo Duarte (PT).

Leia Também