Sábado, 18 de Novembro de 2017

Petistas reagem a críticas e atacam PSDB e PMDB

2 DEZ 2008Por 23h:10
     

LIDIANE KOBER

 

Indignados com a postura de membros do PMDB e do PSDB, petistas desferiram duras críticas a lideranças dos partidos hoje na Assembléia Legislativa. O principal alvo da bancada do PT foi o deputado federal Waldir Neves (PSDB), que ontem, após sair da reunião entre o governador André Puccinelli (PMDB) e os prefeito tucanos eleitos, chamou os adversários políticos de oportunistas.

Waldir acusou o PT de ter feito jogo de cena ao procurar o PSDB para formar uma frente anti-PMDB com o objetivo de impedir que os peemedebistas conquistassem a presidência da Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul) e a Câmara Municipal de Campo Grande. Como a frente não prosperou, o deputado federal disse que os petistas criaram a situação apenas para se promover. "O PT fica criando intriga para se valorizar, aparecer na mídia. Não tem onde mamar, fica tentando aparecer, arrancar uma beirinha, arrumar uma boquinha, mamar na tetinha", afirmou Waldir ontem.

Na sessão da Assembléia, petistas repudiaram as palavras "chulas" do tucano e o acusaram de medroso e de faltar com a verdade. Sobrou também para o governador, criticado por fazer mídia em cima de recursos federais. A matéria completa está na edição de amanhã do jornal Correio do Estado.

Leia Também