Segunda, 20 de Novembro de 2017

Pesquisadores da Fiocruz descobrem maior resistência dos ovos do mosquito da dengue

24 OUT 2008Por 15h:20
     

 

 

Os pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz descobriram que, 15 horas depois de postos, os ovos do Aedes Aegypti formam uma película protetora com uma camada transparente e impermeável, que os fazem resistentes a cloro e a inseticidas.

De acordo com os cientistas, eles sobrevivem até um ano para eclodir nas primeiras chuvas do verão seguinte.

A partir dessa descoberta, os cientistas podem chegar a um inseticida eficaz contra o mosquito. Segundo o pesquisador Gustavo Rezende, da Fundação Oswaldo Cruz, esse inseticida é para a forma adulta do mosquito.

 

Com informações do G1

Leia Também