Domingo, 19 de Novembro de 2017

Personalidades tentam transformar fama em votos

12 JUL 2010Por 07h:00
     

                        Das piadas e gargalhadas na televisão para a seriedade da política. Este é o caminho escolhido por alguns humoristas que vão disputar cargos eletivos esse ano. Quem encabeça a lista é Sérgio Mallandro, que após se filiar ao PTB tenta uma vaga de deputado estadual por São Paulo. Outros humoristas aspirantes a cargos eletivos são Pedro Manso (PRB), candidato a deputado estadual pelo Rio de Janeiro, e seu colega de elenco Tiririca (foto), que teria se afastado do programa "Show do Tom" para poder entrar em campanha.
                        
                        Depois de aposentarem as chuteiras, alguns futebolistas querem entrar para o mundo da política. O ex-jogador Romário, que brilhou na seleção brasileira, é candidato a deputado federal pelo PTB do Rio de Janeiro. Em São Paulo, o partido aposta no volante Vampeta, ídolo do Timão, que também disputa uma vaga na Câmara dos Deputados. Devido à legislação eleitoral, ele teve que se afastar do programa Band Total, da TV Bandeirantes, no qual atuava como comentarista.
                        
                        Dos campos de futebol para as piscinas. Rebeca Gusmão é candidata a deputada distrital em Brasília, pelo PCdoB. A jovem busca um novo emprego depois de ter sido banida da natação por uso de anabolizantes.
                        
                        Na Bahia, tem candidato que pretende nocautear os concorrentes nas urnas. O tetracampeão mundial de boxe Acelino "Popó" Freitas se filiou ao PRB e também disputa uma vaga na Câmara. Também na Bahia, o ex-BBB Jean Willys, filiado ao PSOL, pleiteia o cargo de deputaado federal.
                        
                        A dançarina Renata Frisson, conhecida como Mulher Melão, quer integrar a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. Para disputar a vaga de deputada estadual, ela se filiou ao PHS. Se tem famosos disputando as eleições por partidos pequenos, alguns também encontraram espaço nos partidos mais tradicionais. É o caso do cantor Kiko, do grupo KLB, que concorre à Câmara Federal pelo DEM de São Paulo.
                        
                        E Pernambuco não poderia ficar de fora dessa lista. No Estado, os famosos também estão reptesentados na disputa por um cargo eletivo. Reginaldo Rossi, o "rei do brega", é candidato a deputado federal pelo PDT. O cantor já disputou uma vaga na câmara dos vereadores de Jaboatão dos Guararapes em 2008, mas não obteve êxito.
                        
                        Um exemplo bem sucedido de uma personalidade que conseguiu ser eleita para um cargo público é o do cantor Frank Aguiar. Em 2006 ele foi eleito para a Câmara Federal pelo PTB de São Paulo, obtendo uma votação significativa. Frank ficou no cargo até 2008, antes de se tornar vice-prefeito de São Bernardo, na chapa do prefeito Luiz Marinho.

                         

                        (Fonte: JC Online)

Leia Também