Segunda, 20 de Novembro de 2017

Pedreiro que ficou preso por 32 horas em cisterna recebe alta

29 OUT 2008Por 14h:40
     

 

 

O pedreiro José Francisco da Silva, de 63 anos, que ficou 32 horas preso em uma cisterna, recebeu alta médica por volta das 10h desta quarta-feira (29). Ele passou a madrugada em observação no Hospital João XXIII, em Belo Horizonte.

Segundo a administração do hospital, Silva saiu acompanhado de familiares e foi levado para casa em carro particular. Não foram identificadas fraturas na vítima em exames realizados pela equipe médica.

De acordo com os médicos, o pedreiro chegou a se alimentar normalmente durante o tempo em que ficou internado e tomou banho sozinho.

 

Com informações do G1

 

Leia Também