Sábado, 25 de Novembro de 2017

Peão que atropelou militar é indiciado e pode ir a júri popular

19 JUN 2008Por 18h:53
     

Foi divulgada hoje (19) a conclusão do inquérito sobre a morte do cabo do Exército Leonardo Sales da Silva, ocorrida no dia 7 de junho. O peão Fagner Gonçalves, acusado de atropelar e arrastar Leonardo, foi indiciado por homicídio doloso, ou seja, que teve intenção e por omissão de socorro júri popular e ser condenado a uma pena de até 30 anos. Agora, o inquérito vai para o Ministério Público Estadual, que decidirá se mantém a acusação, e depois o juiz define se o acusado vai ou não para júri popular.

Leia Também