Quinta, 23 de Novembro de 2017

PDT julga terça-feira pedido de expulsão de deputado

16 MAI 2008Por 23h:10
     

Lidiane Kober

 

O PDT irá julgar na próxima terça-feira o pedido de expulsão do deputado estadual Antônio Braga (PDT). Ele é acusado de levar discórdia ao partido por usar a imprensa para desferir críticas a dirigentes da legenda. A rebeldia irritou tanto que, ontem, dois representantes de segmentos da sigla pediram em ofício a cabeça do parlamentar.

A irritação se deve as críticas que o parlamentar desferiu por ser contrário a indicação do deputado federal Daboberto Nogueira para ocupar a vaga de vice na chapa do prefeito Nelsinho Trad (PMDB). Braga afirma que não houve discussão interna sobre o assunto, além disso, considera que não tem lógica o parlamentar abrir mão de uma cadeira no Congresso Nacional para atuar em um cargo inferior. Ele chegou a dizer que a indicação atende interesses de dirigente da cúpula e que não é consenso no partido.

Por outro lado, Estevão atesta que a maioria do partido aprova a indicação de Dagoberto. "Logicamente, o deputado federal tem força e apoio dentro do PDT para ficar com a vaga de vice", contou. Ele acrescentou ainda que aceita posições contrárias, porém, considera que a Braga deveria ter externado a posição internamente e não ter procurado a imprensa para se queixar.

Leia Também