Quarta, 22 de Novembro de 2017

Partidos trocam acusações e divergem sobre Comissão Mista de Orçamento

8 MAR 2008Por 17h:16
     

Lidiane Kober, com informações da Agência Estado

 

Deputados e senadores votarão o Orçamento da União na próxima semana em meio à troca de acusações entre Governo e oposição e à discussão sobre o papel da Comissão Mista de Orçamento. Na última quarta-feira, enquanto os partidos tentavam em vão chegar a um acordo para votar no dia seguinte, os principais líderes do PSDB assinaram uma proposta de extinção da comissão.

Os tucanos alegam que a comissão "tem vícios e problemas que atingem a imagem de todo o Legislativo" e que, por não ser impositivo, mas apenas autorizativo, o Orçamento não é cumprido pelo Governo, "que libera as verbas a conta-gotas".

        A Resolução, elaborada pelos deputados Ricardo Barros (PP-PR) e José Carlos Aleluia (DEM-BA), definiu várias mudanças na Comissão de Orçamento, que tornaram mais rígidos os critérios para apresentação de emendas, dividiram poderes e reduziram o número de integrantes, de 80 para 40. Uma das regras é a renovação total de seus integrantes a cada ano.

Leia Também