Domingo, 19 de Novembro de 2017

Para Orcírio, luta será para combater o autoritarismo

28 JUN 2010Por 06h:24
Novamente na condição de candidato de oposição, José Orcírio dos Santos (PT) disse ontem, na convenção estadual do PDT, que os aliados devem se preparar para uma caminhada difícil nos próximos três meses. “Vamos enfrentar a arrogância. Vamos enfrentar o autoritarismo e a máquina”, afirmou.
Orcírio relatou ainda sua gratidão ao presidente de honra do PDT, João Leite Schimidt. “Quando eu fui perseguido, um homem abriu as portas para mim”, disse.

O ex-governador está confiante. Os 16 meses que antecederam o período de convenções teriam sido suficientes para ele confiar em uma reviravolta nas eleições deste ano, para garantir seu terceiro mandato no Parque dos Poderes. “Vou derrotar o André Puccinelli e derrotar o autoritarismo e a soberba, restabelecendo a dignidade desse povo”, disse.

Segundo Orcírio, os debates realizados com funcionários públicos, comerciantes, empresários, assentados e segmentos como a juventude deram clareza sobre a necessidade de se eleger. “Ele queria, a todo custo, ser candidato único. Temos uma candidatura de resistência”, disse. (FB)

Leia Também