Sexta, 24 de Novembro de 2017

Para Jerson, Orcírio vai subir no palanque do PMDB

4 MAR 2009Por 07h:50
     

 

 

O presidente da Assembléia Legislativa, deputado estadual Jerson Domingos (PMDB), jogou mais lenha na fogueira do PT, ontem, ao declarar que o ex-governador José Orcírio dos Santos deve subir no palanque do seu principal rival - o governador André Puccinelli (PMDB) - nas eleições de 2010. Uma das suspeitas que teria levado o petista a romper o compromisso de pacificar o partido era justamente de fazer "jogo combinado" com o PMDB.

 

Em fevereiro, André Puccinelli deu dica de que todo o esforço de unificar o PT para lançamento de candidatura própria para enfrentá-lo não iria prosperar a partir de março. Ele tinha razão: a candidatura de José Orcírio à sucessão estadual pode naufragar a partir do momento que ele optou pelo racha do PT ao entendimento. "A militância do partido estava empolgada com o projeto de candidatura própria, mas a atitude do ex-governador foi um balde de água fria, pois as eleições municipais já mostraram que o partido dividido perde força", comentou o deputado estadual Pedro Kemp (PT).

Leia Também