Quinta, 23 de Novembro de 2017

Palácio do Planalto deixa de abrigar a Presidência nesta semana

22 MAR 2009Por 14h:53
     

Da Redação

 

O Palácio do Planalto deixa de abrigar a estrutura da Presidência da República nesta semana depois de quase 49 anos sediando o Poder Executivo. O escritório dos presidentes, inaugurado em abril de 1960 por Juscelino Kubitschek na transferência da capital do Rio de Janeiro para Brasília, passará por uma reforma completa, que vai restaurar o projeto original do arquiteto Oscar Niemeyer.

 

Em mais de 48 anos de uso, o prédio nunca passou por uma reforma completa ?apenas foi sendo adequado para abrigar uma administração federal cada vez maior. Hoje, além do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o prédio abriga os gabinetes dos ministros das Relações Institucionais, José Múcio, a ministra chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Jorge Félix, o ministro da Comunicação Social, Franklin Martins, e o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Luiz Dulci.

 

Todos têm grandes estruturas, que serão alojadas entre o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), de onde Lula despachará, o prédio anexo ao Palácio do Planalto, o prédio anexo do Palácio do Itamaraty e o Palácio do Buriti, ex-sede administrativa do governo do Distrito Federal.

 

As informações são do G1

Leia Também