Sexta, 17 de Novembro de 2017

Orro pede licença e vice diz que vai disputar prefeitura

19 JUN 2008Por 22h:28
     

Lívia Ferreira

 

O prefeito de Aquidauana, Felipe Orro (PDT), pediu licença de 15 dias e seu vice, José Henrique Trindade (PMDB), que toma posse hoje, provocou reviravolta no processo eleitoral ao anunciar que vai disputar, na convenção, a candidatura à sucessão municipal. A licença de Orro, que alegou problemas particulares, começa a contar a partir de hoje.

 

Neste período, Trindade viverá a experiência de administrar o município. O peemedebista informou que decidiu ser candidato após a desistência do produtor rural Zelito Câmara, que deixou a disputa anteontem. De acordo com Trindade, Zelito desistiu depois de uma conversa com o governador André Puccinelli (PMDB). Também pesou o fato de o produtor rural ser novato no PMDB e agregar poucos votos na executiva. Além de Trindade, vão disputar a vaga de candidato a prefeito o presidente municipal do PMDB, Tinho Proença, e Fauzi Suleiman - este já concorreu ao cargo duas vezes quando era filiado ao PT.

Leia Também