Sábado, 18 de Novembro de 2017

Ofensas no Orkut rendem R$10 mil a mulher do MT

10 ABR 2008Por 18h:00
     

 

 

Uma mulher que descobriu que estava sendo ofendida em uma comunidade de usuários do Orkut, abriu processo em outubro do ano passado pedindo uma indenização de R$ 15,2 mil ao Google do Brasil. O juiz titular do Juizado Especial Civil de Cuiabá, Yale Mendes, condenou o Google ao pagamento de uma indenização de R$ 10 mil à mulher. O Google retirou a comunidade do ar depois de determinação anterior do juiz, que julgou o mérito da indenização nesta semana. Yale Mendes condenou a empresa por defeito na prestação de serviço e responsabilidade objetiva, pois o Google alegou que não tem como controlar a criação de comunidades na rede social.

 

Com informações da Reuters Brasil

Leia Também