Terça, 21 de Novembro de 2017

Obra de ponto de integração começa em 2011

18 AGO 2010Por 07h:50
anahi zurutuza

Somente em 2011 a Prefeitura de Campo Grande deve iniciar a construção do Ponto de Integração do Bairro São Francisco — terminal de ônibus “aberto”, que vai funcionar de maneira semelhante ao Ponto de Integração Avedis Balabanian, situado em frente da Escola Estadual Hércules Maymone, no Bairro Miguel Couto. De acordo com o secretário municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação, João Antônio De Marco, os projetos arquitetônicos e de engenharia já foram elaborados, mas terão de passar por ajustes.
“Falta também a Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran) finalizar o estudo de impacto para o trânsito da região. Mas, só vamos mexer com isso no ano que vem”, afirma De Marco. O ponto do São Francisco será construído em terreno, já adquirido pela prefeitura, que fica no cruzamento das avenidas Euler de Azevedo com Tamandaré.
A obra ainda não foi orçada pela prefeitura e segundo De Marco não dá para estimar se o novo Ponto de Integração terá também custo semelhante ao que foi investido no Ponto de Integração do Bairro Miguel Couto, onde foram gastos cerca R$ 2 milhões. “O PI do Hércules Maymone foi construído dois anos atrás (a obra teve início em 2008, mas o terminal foi inaugurado em 2009), os valores já estão totalmente defasados”, explica o secretário.
Histórico
Os recursos para as obras são provenientes de doação que totaliza R$ 10 milhões, feita pela Associação das Empresas do Transporte Coletivo Urbano de Campo Grande (Assetur) ao município, em 2006, quando foi renovado o contrato de concessão com as cinco empresas que exploram o transporte coletivo urbano na Capital — Viação Serrana, São Francisco, Cidade Morena, Campo Grande e Jaguar Transporte Urbano.
Como dinheiro, a prefeitura comprometeu-se a construir quatro novos terminais de transbordo em Campo Grande. Mas, até agora, somente a obra do Ponto de Integração do Hércules Maymone foi finalizado.
Pontos de Integração
Os pontos de integração são dotados de duas plataformas cobertas e funcionam como grandes pontos de ônibus, que recebem várias linhas de ônibus e os usuários do transporte coletivo podem fazer integração temporal, usando os cartões de passe eletrônico.
O PI Avedis Balabanian recebe as linhas 070 (Bandeirantes/ General Osório), 075 (Guaicurus/BR-262), 076 (Aero Rancho/ Hércules Maymone), 514 (Tiradentes), 515 (Arnaldo Estevão de Figueiredo), 516 (Maria Aparecida Pedrossian – direto), 517 (Maria Aparecida Pedrossian – integração), 519 (Noroeste), 520 (Noroeste) e 524 (Leon Denizart Conte).

Leia Também