Terça, 21 de Novembro de 2017

O estranho mundo na novata VPG Auto

12 FEV 2010Por 07h:52
Um veículo controverso, misto de utilitário esportivo e minivan, é a primeira “cria” da Vehicle Prodution Group, ou VPG Auto, nova montadora norte-americana que tem como um dos sócios Mark Hogan, que foi presidente da General Motors do Brasil no período entre 1992 e 1997. O modelo, batizado de MV-1, usa motor Ford V8 4.6 com 248 cv de potência e 40,6 kgfm de torque máximo disponível aos 4 mil giros. Obviamente, em tempo de marketing verde, o modelo já tem uma configuração movida a GNC – Gás Natural Comprimido –, com três cilindros de 824 litros no total e autonomia de 402 km. Outra derivação é o MV-1 para deficientes físicos. Além de uma rampa para o acesso das cadeiras de rodas, o espaço interno do veículo promete uma altura de 1,5 metro do assoalho até o teto. Com isso, a pessoa não precisa sair da cadeira para entrar no MV-1. O SUV tem 5,21 metros de comprimento, 1,91 m de largura, 2,02 m de altura e 3,10 m de distância entre-eixos. O modelo só entra em linha de montagem em outubro, mas já pode ser encomendado no endereço www.vpgautos.com. O preço, contudo, ainda não foi revelado.

Leia Também