Quinta, 23 de Novembro de 2017

O estilo da Copa

15 JUN 2010Por 06h:39
SCHEILA CANTO

A moda nada mais é do que uma interface entre a pele e o mundo, a película do avatar de que você se apodera para transitar no mundo – disse o estilista Jum Nakao que, nesta semana de moda brasileira, instalou um botequim-performance no 1º andar da Bienal, no São Paulo Fashion Week. Sob essa visão a moda deveria diversificar e não uniformizar, afinal cada um tem seu jeito de ser, um estilo próprio... Mas, não é isso que vemos por aí.

Em época de Copa do Mundo o sentimento patriota aflora e num dia como de hoje vestir-se com as cores da bandeira é quase uma ordem. Algumas grifes apostaram em modelos que fogem o estilo camisa de futebol para dar um toque mais fashion as peças. A Linda de Morrer, por exemplo, desenvolveu t-shirts em viscose com apliques, brilhos e estampas tye-die. Para dar mais alegria ao visual a Datelli desenvolveu scarpins com as cores da bandeira.

Na torcida rumo ao hexa entra até os pequeninos, ganharam coleção com estampas que remetem não só às cores do Brasil, mas também com referência do país sede do campeonato.

Assim como na África, o Brasil também está no inverno e por isso a marca No Stress apresenta uma linha de casacos em helanca referenciando à Copa do Mundo com aplicações de brasões que remetem aos países que disputarão o mundial.

Objeto de desejo no Fashion Rio, as camisetas alusivas à Copa do Mundo criadas por Vitor Santos, ex-VRom e atual Estúdio Arvore, chama atenção no Espaço Oi na SPFW. São cinco modelos nas cores da bandeira do Brasil – verde, amarelo, azul e branca – com estampa vintage dos anos 40.

A Dudalina escala a elegância e a sofisticação para vestir o torcedor brasileiro durante a Copa do Mundo 2010.  A marca preparou uma camisa requintada, exclusiva para o público masculino torcer nos jogos da seleção brasileira. Leve e confortável, a peça traz a maciez do algodão, colarinho italiano e prendedor de manga, com todo charme as cores da seleção em um look super cool.

Leia Também