Sexta, 17 de Novembro de 2017

No Bolsão, André Puccinelli parte para a ofensiva contra adversários

8 AGO 2010Por 09h:14
Três Lagoas

O governador André Puccinelli (PMDB) cumpriu compromissos de campanha em Três Lagoas, anteontem à noite e partiu para a ofensiva ao seu principal oponente, o ex-governador José Orcírio dos Santos (PT), que, ontem, também fez campanha na cidade. Na terra da sua parceira de chapa, Simone Tebet, Puccinelli se reuniu com correligionários, filiados do PMDB e lideranças, buscando mobilizá-los e instrumentalizá-los com informações para a conquista do voto dos mais de 60 mil eleitores três-lagoenses.
Simone Tebet falou antes de André e desafiou o concorrente a apresentar números para discutir a campanha rumo ao Governo do Estado. Como exemplo, citou o fato de que o petista teria construído apenas 55 casas populares no município, enquanto o atual governador teria entregue quase mil unidades. Ela ainda fez compromisso de atender a principal reclamação dos três-lagoenses, asfaltando 100% do município quando ocuparem a governadoria.
André também comparou ações e obras do seu governo com o anterior, falando de recapeamento nos municípios, obras de estrada e de hospitais, além da contratação de 1598 policiais e reforma de 204 das 366 escolas estaduais.  “Podemos ter a maior votação que um Governo do Estado teve em Três Lagoas até hoje”, disse.
Após a reunião, os candidatos, junto com os postulantes ao Senado e candidatos locais a deputado estadual e federal visitaram a 25ª Festa do Folclore. Ao lado da prefeita Márcia Moura e de oito dos dez vereadores, eles percorreram todas as barracas de artesanato e comidas típicas. André comeu pastel, pediu votos e divulgou seus trabalhos. Depois, foi ao camarim cumprimentar as atrações da festa.

Orcírio
O candidato do PT também começou a sua campanha em Três Lagoas, na manhã de ontem. Na cidade, ele realizou a primeira carreata nas eleições de 2010 da coligação A Força do Povo. O petista e sua caravana, que contou com cerca de 200 veículos, entre militantes, aliados e apoiadores, circularam por vários bairros da cidade.

Leia Também