Sexta, 17 de Novembro de 2017

Namorado de adolescente morta na Capital é detido em Jaraguari

29 ABR 2010Por 06h:44
karine cortez e nadyenka castro

A Polícia Civil prendeu, no fim da tarde de ontem, Adriano da Costa Silva, de 25 anos, namorado da jovem Jéssika Lima, de 17 anos, encontrada morta na madrugada de domingo, no Bairro Cidade Morena, em Campo Grande.
De acordo com o delegado responsável pelas investigações, Wellington de Oliveira, da 4ª Delegacia,  Adriano estava escondido na área rural de Jaraguari, município vizinho à Capital. Até o início da noite, o rapaz não havia prestado depoimento e, portanto, a polícia ainda não tinha a versão dele sobre a morte da namorada.
Antes de iniciar a ação que resultou na prisão, a Polícia Civil fez buscas em um matagal de Campo Grande à procura de Adriano. Havia suspeita que ele tivesse sido assassinado e de que o corpo estaria no local, que fica próximo à BR-262, perto de Terenos, onde o carro dele, uma Saveiro, foi encontrado abandonado também no domingo.
No carro de Adriano foram encontrados vários documentos em nome de Jéssika e na casa dela a polícia também achou cocaína no banheiro e perto da cama. O corpo da adolescente estava no chão da sala.
A prisão de Adriano foi decretada terça-feira, a pedido da Polícia Civil, pelo juiz da 1ª Vara do Tribunal do Júri, Carlos Alberto Garcete de Almeida. A intenção da polícia é que Adriano conte o que aconteceu com Jéssika nos últimos instantes de vida, já que testemunhas disseram ter visto os dois juntos na residência antes de ela ser encontrada morta. A suspeita inicial da Polícia Civil é de que a adolescente tenha sido vítima de overdose. Laudo toxicológico irá revelar se Jéssika consumiu entorpecentes.

Leia Também