Sexta, 17 de Novembro de 2017

Nadadora australiana perde patrocínio por homofobia

7 SET 2010Por 20h:45
     

                        Uma das grandes musas da natação na atualidade, a campeã olímpica australiana Stephanie Rice perdeu o patrocínio da Jaguar por conta de um comentário homofóbico em seu Twitter. "Chupem essas, seus gays", disse a atleta de 22 anos após vitória da Austrália, no sábado, em partida de rúgbi contra a África do Sul.

                        

                        

                        Rice chegou a apagar o comentário e se desculpou publicamente depois de o episódio ganhar grande repercussão. A fabricante de carros luxuosos, no entanto, não aceitou o incidente e encerrou o contrato de patrocínio.

                        

                        "Tomamos a decisão de encerrar o contrato com ela", anunciou o porta-voz da Jaguar, Mark Eedle. "Seu comportamento não condiz com a maneira que pretendemos relacionar nossa imagem. Não é uma associação que poderia seguir em frente".

                        

                        Na Olimpíada de 2008, a jovem nadadora conquistou o ouro nos 200 e nos 400 metros medley, além do revezamento 4 x 200 metros livre. Rice, entretanto, passou por uma cirurgia no ombro na última semana e não participará dos Jogos da Commonwealth.

                        (Informações do Estadão)

Leia Também