Terça, 21 de Novembro de 2017

MS perde R$ 200 mil por dia com a crise boliviana

11 SET 2008Por 23h:05
     

        Da redação

        O ICMS relativo ao transporte e ao gás proveniente da Bolívia garante em torno de R$ 60 milhões por mês os cofres dos governos estadual e das prefeituras de MS. Com a redução de 10% no fornecimento, resultado de uma explosão de um duto durante os protestos no país vizinho que já deixaram ao menos oito mortos, a importação brasileira de gás caiu de 31 para 28 milhões de metros cúbicos por dia, o que significa perda de R$ 200 mil em impostos diários para o Estado, ou cerca de R$ 6 milhões por mês. Ontem pela manhã, 50% do forneceimento chegou a ser interrompido, o que levou a MSGás a suspender o fornecimento para os postos da Capital.

Leia Também