Segunda, 20 de Novembro de 2017

MS está entre os estados que mais reciclam embalagens de agrotóxicos

21 JUL 2010Por 20h:53
Cícero Faria, Dourados

Mato Grosso do Sul ficou em oitavo lugar entres os Estados produtores de grãos no quesito de recolhimento de embalagens vazias de agrotóxicos, no primeiro semestre deste ano, de acordo com levantamento divulgado ontem pelo INPEV (Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias), a entidade que representa a indústria fabricante de defensivos agrícolas.
De janeiro a junho, tiveram destino ambientalmente correto –reciclagem ou incineração, um total de 1.208 toneladas de recipientes herbicidas, fungicidas e inseticidas, principais agroquímicos usados nas lavouras. O aumento em relação ao mesmo período de 2009 (1.017 toneladas) foi de 18%.
Em nível nacional, no semestre foram recolhidas, 16.837 toneladas de embalagens vazias que saíram das unidades de recebimento de todo o País para o seu destino final, crescimento de 19%. Cerca de 94% do volume encaminhado foi para reciclagem.
Em volume, Mato Grosso (3.762 t), Paraná (2.312 t), São Paulo (2.064 t), Goiás (1.998 t) e Minas Gerais (1.478 t) foram os Estados que mais retiram do campo embalagens vazias de agrotóxicos. Em seguida vêm Rio Grande do Sul (1.433 t), Bahia (1.244) e Mato Grosso do Sul (1.208 t). O Pará foi o Estado com  menor recolhimento: 16 toneladas.

Leia Também