Sábado, 18 de Novembro de 2017

MPF questiona cessão de área em assentamento para Força Nacional

3 SET 2009Por 14h:25
     

A concessão feita pelo Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) da área de 34,5 hectares do Assentamento Itarmaraty I em Ponta Porã, para a Força de Segurança Nacional, desvirtua a função do Programa Nacional de Reforma Agrária. ?É preciso saber quais sãos os benefícios que uma base aeroespacial no assentamento, vai trazer para os assentados?. A afirmação é do procurador da República em Ponta Porã, Luís Cláudio Senna Consentino.Ele abriu inquérito para apurar os termos da doação tanto o  superintendente do Incra em Mato Grosso do Sul, Waldir Nascimento, quanto o secretário Nacional de Segurança Pública, Ricardo Balestreri, terão que esclarecer o assunto num prazo de 10 dias a partir do recebimento dos ofícios de solicitação.
        .

Leia Também