Quarta, 22 de Novembro de 2017

MPF instaura inquérito para investigar serviços da Vivo

31 JUL 2008Por 07h:30
     

         

         

O Ministério Público Federal (MPF) instaurou Inquérito Civil para apurar possível ofensa a direitos do consumidor, devida à mudança do serviço público de telefonia móvel, por parte da operadora de telefonia Vivo, do sistema de telefonia analógico (CDMA e TDMA) para o digital (GSM), na Região do Pantanal.

Após tomar conhecimento de que o sistema anterior (analógico) funcionava há mais de 10 anos e a desativação deste serviço, sem a habilitação e viabilização de um novo, deixou centenas de famílias e propriedades sem comunicação, desencadeando prejuízos, inclusive na economia da região, o MPF expediu ofícios à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e à concessionária, requisitando informações sobre a interrupção do serviço.

         

Leia Também