Terça, 21 de Novembro de 2017

MPF denuncia 29 por fraude em leite

9 JUL 2008Por 11h:30
     O Ministério Público Federal (MPF) em Passos, no sudoeste de Minas Gerais, denunciou 29 pessoas ligadas à Cooperativa Agropecuária do Sudoeste Mineiro (Casmil) por práticas criminosas no funcionamento de uma esquema de adulteração do leite. Segundo o MPF, o grupo adicionava soro e substâncias químicas no leite para reduzir a acidez do produto e garantia maiores lucros na venda.

Os denunciados são acusados de crimes contra a saúde pública, econtra as relações de consumo, formação de quadrilha e corrupção ativa e passiva. As penas previstas para essas condutas variam de oito a 24 anos de prisão.

Com informações da Agência Brasil

Leia Também