Sábado, 18 de Novembro de 2017

Mototaxímetro vai começar a ser testado na capital

9 OUT 2009Por 16h:12

     

         

         

A partir da segunda quinzena de outubro o mototaxímetro, sistema de controle de corridas, vai começar a ser testado em Campo Grande

 

De acordo com o presidente do Sindicato dos Mototaxistas, Dorvair Boaventura Caburé, uma empresa do Paraná vai oferecer dez equipamentos para teste.


        Na Capital, o serviço conta com 756 mototaxistas e 438 motos. Conforme decreto publicado hoje, a tarifa será de R$ 0,80 por km rodado na bandeira 1 e de R$ 0,95 por km rodado na bandeira 2. Nos dois casos o aumento foi de R$ 0,10.


        A prefeitura manteve o valor das tarifas para os serviços de quilômetro rodado por bandeirada e pela hora parada. Os preços permaneceram em R$ 2,20 e R$ 14, respectivamente.



 

Leia Também