Quinta, 23 de Novembro de 2017

Médicos na lista de espera serão convocados

26 JAN 2010Por 08h:07
O pr e fe ito Ne l si n ho Trad afirmou que médicos que estão na lista de espera do último concurso serão convocados imediatamente e serão contratados profissionais, conforme a necessidade apontada pelas secretarias municipais de Administração e Saúde. O número de médicos não foi divulgado. Para o Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul, o déficit fica em torno de 30 a 40 clínicos gerais e a mesma quantidade de pediatras. Ele reivindica que algumas unidades de saúde 24h também sejam protegidas por policiais militares. “Na Coophavilla, no Guanandy, que é o centro de referência para todo o distrito sul, deveria haver policial no local”, comentou o diretor administrativo João Batista Botelho. S e g u n d o o m é d i c o , uma nova campa n h a de esclarecimento deverá ser fe it a c om a p opu l aç ão, pa ra que entend a o t raba l ho dos profissiona is. “ Va mo s t r a b a l h a r p e l a huma n i zação do atend imento”. Espera Maristela Garcia, de 38 anos, foi à UPA Vila Almeida, ontem pela manhã, pois estava com dores no braço direito, mas desistiu de aguardar pelo atendimento. Acompanhada do pai, Ricardo Centurião, de 69 anos, eles relataram que os atendentes não estariam respeitando a ordem de chegada dos pacientes. “Eles chamam quem eles querem, em qualquer ordem”, indignou-se o idoso. A doméstica Iracy Lourenço, de 43 anos, aguardou por cerca de 4h pelo atendimento. “Estava com muita dor de cabeça. Cheguei antes das 7h e fiquei esperando. Tive sorte porque o médico atendeu bem”, relatou. (ST)

Leia Também