Domingo, 19 de Novembro de 2017

Maria Cecília e Rodolfo gravam DVD e fecham shows no exterior

17 AGO 2010Por 06h:56
OCAR ROCHA

A dupla Maria Cecília e Rodolfo, que gravou na última sexta-feira e sábado, em São Paulo, o segundo DVD, prepara-se para embarcar em excursão internacional.  A primeira parada será o continente europeu, em outubro. Estão confirmados shows em Paris (França), Bruxelas (Bélgica) e Lisboa (Portugal). Segundo o empresário Eduardo Maluf, outras cidades podem entrar no roteiro. “Será um passo muito importante na trajetória da dupla. Tocaremos para brasileiros no exterior e também para o público local”, aponta. Na sequência, estão sendo agendadas apresentações nos Estados Unidos. Na volta, em novembro, iniciam a excursão de lançamento do novo DVD, que sairá pela Som Livre.
Ainda não foi dessa vez que Campo Grande serviu de cenário para registro do audiovisual da dupla. O primeiro aconteceu em fevereiro de 2009, em Goiânia, quando aproximadamente 12 mil pessoas prestigiaram em um grande espaço de shows da  cidade. Na nova investida, o local escolhido foi o Espaço das Américas, na Capital paulista. “Fazer o show nesta cidade é algo muito importante;  São Paulo é a capital artística do País. Chegar até aqui é responsabilidade grande”, disse Maria Cecília durante entrevista depois da apresentação de sábado, que se prolongou pela madrugada de domingo.
E por que Campo Grande ficou fora dos planos da dupla quando o assunto é gravação de DVD? Nem Maria Cecília, nem o empresário dizem que o próximo projeto de registro de show acontecerá na cidade. Por outro lado, para compensar, afirmam que um evento especial está sendo planejado para a cidade que assistiu a dupla nascer e ganhar outros pontos do País. “O show pode acontecer na próxima Expogrande, mas se não der certo poderemos fazer um show em outra data”, anuncia o empresário. “Será algo muito especial esse retorno com convidados especiais”, antecipa Maria Cecília.
Em termos de convidados especiais a dupla esteve bem acompanhada na gravação do novo DVD. Na canção “O troco”,  houve a participação dos cantores Thiaguinho e Péricles (Exaltasamba), que tiveram que repetir três vezes a gravação, mas o público que lotou, no sábado, o Espaço das Américas, não se importou, acompanhando com atenção e vibração em todos os momentos.
No total, o novo trabalho contará com 11 faixas inéditas e algumas regravações. Dois momentos de destaque do show: a interpretação de “Como eu quero” (Kid Abelha) e as versões emendadas de  “Medo”,  sucesso nas vozes de Bruno e Marrone, “Muda de vida“, de Zezé di Camargo e Luciano, e “Amor rebelde“, de Chico Rey e Paraná. As outras faixas gravadas continuam apostando nas baladas aceleradas, com refrões fáceis, tendo várias com potencial de manter o sucesso da dupla.

Leia Também