Segunda, 20 de Novembro de 2017

Mantega diz que déficit é “sucesso”

28 JUL 2010Por 05h:04
BRASÍLIA

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, procurou atrelar o déficit em conta corrente ao “sucesso” do Brasil em relação aos demais países e disse que esse desempenho não ameaça o crescimento da economia.                                 “Justamente porque o Brasil sofreu menos com a crise (global) e está crescendo mais é que estamos crescendo mais nossas importações que as exportações”, disse Mantega.                                 
As transações correntes do País tiveram déficit recorde de 23,762 bilhões de dólares no primeiro semestre do ano, segundo dados divulgados na véspera pelo Banco Central. Somente em junho, a conta foi negativa em 5,2 bilhões de dólares.                                 
Mantega também listou, entre os fatores que influenciam o déficit, que os brasileiros estão viajando mais para o exterior por terem renda maior. “É o preço do sucesso”, disse o ministro, estimando que o déficit em conta corrente do País chegará ao final do ano entre 45 bilhões e 48 bilhões de dólares.

Leia Também