Sexta, 24 de Novembro de 2017

Liberação de crédito da Caixa para turismo no Estado cresceu 221%

26 JAN 2010Por 07h:35
A Caixa Econômica Federal investiu em Mato Grosso do Sul, em 2009, mais de R$ 23 milhões em crédito para empresas de turismo, o que representa um crescimento de 221% em relação ao valor aplicado em 2008, que chegou a R$ 7,2 milhões. O resultado coloca a Caixa como destaque entre as instituições financeiras que apoiam o setor. O desempenho é fruto de um trabalho iniciado em 2003, quando a Caixa definiu a cadeia produtiva do turismo como um de seus nichos estratégicos. Com isso, o banco identificou as peculiaridades e necessidades do setor e desenvolveu produtos específicos, como o Investgiro Proger Turismo, o Credfrota, o Convênio Cartão Turismo e o Fungetur. No ano passado, após a divulgação da estratégia de atendimento às micros e pequenas empresas do segmento turístico, que têm representatividade de cerca de 97% da cadeia produtiva, a Caixa ampliou seu portfólio de produtos, com o lançamento do FAT Giro Setorial. A atuação da Caixa, realizada em parceria com o Ministério do Turismo, se consolidou com o patrocínio do Salão do Turismo, realizado no mês de julho, em São Paulo, e considerado o maior da América Latina. Segundo o superintendente regional da Caixa no Estado, Paulo Antunes de Siqueira, 2009 foi um ano para se comemorar. “A Caixa atuou fortemente na aplicação dos recursos, principalmente no crédito contratado com pessoas jurídicas. Hoje, somos referência atendendo às necessidades do mercado, em especial as do setor de turismo”. Para 2010, o superintendente afirma que pretende aumentar ainda mais o volume de recurso aplicado no setor de turismo de Mato Grosso do Sul, “Principalmente junto às micro e pequenas empresas, responsáveis pela maior geração de emprego e renda”.

Leia Também