Sábado, 18 de Novembro de 2017

Irmãos sofrem atentado à bala no Zé Pereira

29 MAR 2010Por 11h:01
A Polícia Militar prendeu ontem pela manhã, Alex dos Reis Cruz, 29 anos, minutos depois que ele tentou matar a tiros a ex-mulher Viviane da Silva Bizerra e o ex-cunhado Washington Silva Bezerra, 24 anos. O crime aconteceu às 10 horas, na Rua Eugênio Perón, no Bairro Zé Pereira. Depois de balear Viviane e Washington, Alex ligou para outro ex-cunhado, William, e avisou que o próximo baleado seria ele. Disse, ainda, que o filho e enteada também sofreriam um atentado. Alex fez quatro disparos contra os irmãos e depois fugiu em uma moto Fan, de cor preta, com placa de Três Lagoas, mas acabou preso pela Polícia Militar, que fazia rondas na região. Viviane foi baleada no peito e em uma das mãos. Já Washington foi atingido na perna direita e em uma das coxas. Nenhum deles corre risco de morte. Morte natural O índio Luiz da Silva, de 30 anos, foi encontrado morto, ontem, na aldeia Jaguari, distante 50 quilômetros de Amambai. A vítima foi achada por moradores da reserva, em uma estrada no interior da aldeia. Aparentemente, seu corpo não apresentava sinais de ferimentos. A Polícia Civil em Amambai encaminhou o corpo para o Instituto de Medicina e Odontologia Legal de Ponta Porã para a realização do exame necroscópico. A polícia quer saber se o guarani-kaiowá morreu de forma natural ou se sofreu algum tipo de agressão antes. (FP)

Leia Também