Domingo, 19 de Novembro de 2017

Indústrias ganham suporte técnico para reduzir poluentes

12 JUL 2010Por 21h:08
As indústrias do Estado que querem reduzir a emissão de poluentes, adequando-se à legislação ambiental e ainda produzir com sustentabilidade, podem contar desde maio com o Labsenai Meio Ambiente. O laboratório que iniciou seus trabalhos com a medição do carbono (CO2) emitido durante a Expo-MS Industrial 2010, está oferecendo serviços na área de meio ambiente integrados às outras áreas do conhecimento, atendendo à legislação ambiental, às exigências do mercado externo e da sociedade

Rosana Siqueira

Segundo o gerente da Fatec Senai Campo Grande Artur Quintella, o LabSenai Meio Ambiente ajuda as empresas na questão ambiental, oferecendo serviços laboratoriais, consultorias tecnológicas, pesquisa e desenvolvimento.
Quintella explica que atualmente o laboratório adota o Programa de P+L (Produção Mais limpa), que analisa os processos de produção, etapa a etapa, verificando o que pode ser melhorado na empresa. “Verificamos ao longo do processo como é o uso de matéria-prima na indústria, demos sugestões de como o empresário pode melhorar isto, além de auxiliarmos na redução no consumo de energia, chegando até o final que é a emissão dos resíduos”, frisou. A consultoria de P+L analisa os processos produtivos a fim de prover soluções tecnológicas para reduzir os desperdícios das diversas formas e fontes de energia, matérias-primas e água, assim como, reduzir os resíduos, efluentes e emissões. “A metodologia permite a elaboração de inventários, de forma a verificar as emissões de gases que intensificam o efeito estufa. Diante dos resultados, promovemos projetos de neutralização dos gases, otimizando os processos produtivos nas indústrias, principalmente em relação às matérias-primas”, explicou.
A indústria que aplica a Produção Mais Limpa tem seus indicadores de eco-eficiência fazendo parte de uma rede internacional das Nações Unidas.
Ele destaca ainda que o LabSenai realiza o diagnóstico e controle de poluentes atmosféricos nas áreas urbanas e industriais, seguindo normas federais e estaduais pertinentes, podendo atuar na avaliação de fontes fixas, como na amostragem em chaminés, e qualidade do ar.

Laboratório móvel
Segundo o gerente da Fatec, um dos projetos estruturantes do LabSenai Meio Ambiente é a construção do laboratório de coleta de análises prioritárias de monitoramento ambiental para atender às demandas ambientais das empresas, com equipe qualificada e infraestrutura que ofereça serviços laboratoriais com o mais elevado padrão de qualidade. Outro projeto é a aquisição e adequação de uma unidade móvel para coleta, medição e monitoramento de emissões atmosféricas, com o intuito de apoiar as necessidades do cumprimento legal e desenvolvimento sustentável das indústrias.
O laboratório realizará serviços em estudos de dispersão de poluentes atmosféricos por meio da modelagem matemática, avaliações da eficiência de sistemas de controle de chaminés, inventários de fontes de emissão de poluentes atmosféricos e ruídos ambientais. A previsão é que o laboratório esteja operando em 2011.
O LabSenai Meio Ambiente ainda oferece cursos de aperfeiçoamento, visando adequar as empresas aos requisitos mercadológicos e legais associados a processos de licenciamento e gestão ambiental. Os cursos atendem às necessidades do cliente, e podem ser ministrados nas instalações do LabSenai Meio Ambiente ou na própria empresa.

Leia Também