Segunda, 20 de Novembro de 2017

Grupos fazem ato público e apresentam espetáculos

27 MAR 2010Por 04h:23
O Dia Mundial do Teatro, comemorado hoje, será marcado por manifestação e espetáculos na Capital. Às 8h, no Calçadão da Barão, atores, diretores e produtores culturais estarão reunidos em um ato público, que buscará chamar a atenção da população para as produções teatrais locais e para as reivindicações atuais da classe artística. “É preciso que as pessoas percebam que estamos produzindo em Mato Grosso do Sul. Também inseriremos a política nessa data, lembrando que no Congresso Nacional estão para ser votados vários projetos da área, como o que determina a criação do Sistema de Cultura e o Plano Nacional de Cultura, que incluirá os orçamentos destinados ao setor nas esferas federal, estadual e municipal”, destaca o diretor e ator Vitor Samudio, integrante da Câmara Setorial de Teatro e Circo e presidente do Fórum Municipal de Cultura. Outro item que será lembrado no ato é a prolongada desativação do Teatro do Paço Municipal, atualmente utilizado para depósito de materiais. Há um ano houve promessa da administração municipal em reformá-lo e disponibilizá-lo à classe artística, mas isso ainda não aconteceu – segundo Athayde Neri, presidente da Fundação Municipal de Cultura, a verba necessária para esta reforma está prestes a ser liberada por meio de dois canais federais. A intenção é, durante o ato, fazer panfletagem e passeata por algumas ruas do centro. Às 9h, haverá apresentações de espetáculos de grupos veteranos e novatos na cena teatral campo-grandense: “El magnífico duelo”, do Grupo Desnudos Del Nombre e Novos Grupos; “De palhaço e lobo todo mundo tem um pouco”, do Arte e Riso Cia de Animação e “Contos da Cantuária”, do grupo Teatro Imaginário Maracangalha. No Teatro Aracy Balabanian, às 19h30min, será a vez da peça “José’s e suas morenas”, do Teatral Minas da Imaginação. No Armazém Cultural, o público poderá assistir a “Cartas para não chover”, da Trupe da Casa de Ensaio, às 16h, e “Socorro minha casa é uma comédia”, do Grupo Palco, às 21h. Os espetáculos integram o Festival Boca de Cena, promovido pelas fundações de cultura do município e do Estado, com a participação da Câmara Setorial de Teatro e Circo. A entrada é franca. (OR)

Leia Também