Segunda, 20 de Novembro de 2017

Ginasta da Capital conta com a torcida diante de “estrelas”

29 MAI 2010Por 106h:50
JAKSON PEREIRA

Desde o anúncio de Campo Grande como sede da abertura do calendário oficial da ginástica no Brasil que a população aguarda com ansiedade o momento de ver ídolos como os irmãos Diego e Daniele Hypolito, Jade Barbosa e Laís Souza. Entretanto, para uma família campo-grandense em especial, os dias para o início do Troféu Brasil de Ginástica, que acontece hoje, a partir das 7h45min, no Ginásio Guanandizão, foram mais longos.

Para Fátima Santos, mãe da ginasta Renata Teresa dos Santos Pinheiro, de 13 anos, faltam palavras para descrever este momento. “Não tenho como explicar a emoção que estou sentindo em rever minha filha. Ela vai se apresentar em Campo Grande como destaque entre os principais atletas do País, isso me dá um orgulho muito grande”, relatou.

Renata Santos teinava em Campo Grande no Centro de Aperfeiçoamento Técnico de Ginástica Artística (Cefat) e há um ano mudou-se para o Rio Grande do Sul, onde compete pelo Grêmio Náutico União. “A ginástica é a vida dela e enquanto eu puder incentivá-la neste sonho eu vou fazer. Temos um gasto grande mensal, mas encaro como um investimento de futuro”, destacou dona Fátima.

A “mãe coruja” também garantiu que a torcida em Campo Grande será enorme. “A Renata tem se destacado e já um dos destaques da ginástica e todos aqui vão torcer por ela. Não preparamos nada em especial, mas amigos e familiares estarão no Guanandizão apoiando ela em busca do título”, afirmou.
Renata vai competir a partir das 7h45min, quando começam as provas da ginástica artística feminina. Especialista em solo e barras paralelas, a atleta vai buscar um boa pontuação nos outros aparelhos para garantir sua vaga nos oito trios mistos que vão competir amanhã no Circuito Caixa.

Leia Também