Sexta, 24 de Novembro de 2017

Fim do IPI eleva movimento de lojas em 20%

31 JAN 2010Por 07h:41
A isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) termina hoje, em todo Brasil, para os eletrodomésticos – a chamada linha branca. Em Campo Grande, durante o sábado, as lojas registraram um acréscimo na procura por produtos do tipo em torno de 20%. Segundo André Everton, gerente de uma das filiais do Magazine Luiza, nos sete meses em que vigorou a isenção do IPI, a empresa teve um aumento nas vendas dos eletrodomésticos estimado em cerca de 60%. “O tanquinho foi o produto mais procurado – estava com redução de quase 40%”, disse. Os refrigeradores também ficaram com valores atrativos: 20% mais baratos, em média. Já as máquinas de lavar roupas ocuparam o terceiro lugar no ranking dos descontos, apresentando no mínimo 10% de diminuição nos preços. A professora Lúcia Vieira do Santos foi uma das consumidoras que aproveitaram o penúltimo dia do desconto para comprar uma lavadora de roupas. Ela escolheu um modelo que custava R$ 1,2 mil, mas, com o desconto, devido à isenção do imposto, saiu por R$ 999 – uma redução de 29%. “Eu já estava precisando de uma máquina de lavar nova. Quando vi ontem (sexta) que hoje (ontem) era o último dia da redução, resolvi ver se os preços compensavam. Vi que estão realmente mais baratos e acabei comprando”, conta a professora. A isenção do IPI no setor automotivo também foi retirada pelo governo federal na última sexta-feira (29). Mas, para esses produtos, os incentivos continuam até o dia 31 de março.

Leia Também