Sábado, 18 de Novembro de 2017

Exportações do Estado batem recorde no bimestre

12 MAR 2010Por 07h:44
utos sul-mato-grossenses registraram, no primeiro bimestre de 2010, faturamento de US$ 5,4 milhões por dia, considerada média recorde para o período. Os produtos básicos foram responsáveis por negociações da ordem de de US$ 151,6 milhões; os semimanufaturados somaram US$ 45,3 milhões, enquanto os manufaturados alcançaram US$ 17,4 milhões. Na comparação com o mesmo período de 2009, os produtos básicos registraram crescimento de 149,6%; os básicos 29,7% e os semimanufaturados 52%. De acordo com o consultor em Comércio Exterior Aldo Barrigosse, as exportações nos dois primeiros meses do ano chegaram a US$ 214,4 milhões contra US$ 425,8 milhões das importações. O déficit (exportação menos importação) foi de US$ 211,4 milhões – valor superior ao registrado no período de 2009, quando apresentou saldo deficitário de US$ 186,3 milhões. Os principais países compradores dos produtos de Mato Grosso do Sul foram a Rússia, Argentina e Irã, com volumes de US$ 34,1 milhões; US$ 26,6 milhões e US$ 23,9 milhões, respectivamente. Produtos As exportações de produtos básicos, como a carne bovina, passaram de US$ 38,9 milhões no ano passado, para US$ 53,7 milhões em 2010. No segmento de semimanufaturados, o aumento aconteceu, principalmente, por conta do açúcar em bruto, elevando em mais de 100% o volume exportado, saindo de US$ 13,9 milhões para US$ 27,9 milhões no primeiro bimestre deste ano. Couros e peles apontam índice de crescimento superior a 200%, com volume vendido de US$ 1,1 milhão para US$ 4,7 milhões. Por fim, segundo Barrigosse, o óleo de soja em bruto elevou em 242%, com faturamento indo de US$ 776 mil para US$ 2,6 milhões. Importações O gás natural continua sendo o produto de maior volume entre as importações do Estado, com participação de 58,9% dos produtos adquiridos no primeiro bimestre de 2010. Esse índice aponta ligeiro decréscimo de 9,4% do gás comprado, na comparação com o mesmo período de 2009, que apontou participação 64,4%. País Entre os estados do País, as exportações somaram US$ 12,197 bilhões e as importações US$ 11,803 bilhões, no mês. Com isso, o superávit (diferença entre o valor exportado e importado) do período ficou em US$ 394 milhões e a corrente de comércio (soma das duas operações) em US$ 24 bilhões. A Região Sudeste vendeu ao mercado externo US $ 7,082 bilhões, com uma participação de 58% na pauta exportadora. Os três estados que compõem a Região Sul tiveram embarques de US$ 2,094 bilhões (17%). As próximas regiões do ranking são Nordeste – US$ 1,172 bilhão (9%); Centro-Oeste – US$ 906 milhões (7%) e, por fim, a Região Norte, com US$ 725 milhões (5%). No levantamento por municípios, Angra dos Reis (RJ) foi o maior exportador em janeiro e fevereiro de 2010, com embarques US$ 1,085 bilhão.

Leia Também