Terça, 21 de Novembro de 2017

EUA têm ainda mais de 5 mil ogivas nucleares

4 MAI 2010Por 07h:55
WASHINGTON

Os Estados Unidos anunciaram ontem ter 5.113 ogivas nucleares ativas e outras milhares de armas nucleares desativadas. O anúncio foi feito durante a reunião do Tratado de Não Proliferação Nuclear (TNP), na sede da ONU em Nova York.

Os EUA haviam divulgado o número de ogivas estratégicas operacionalmente instaladas em 1.968 no final de 2009 – bem menos que as 10 mil de 1991. É a primeira vez, no entanto, que o total geral é revelado. De acordo com dados divulgados pelo Pentágono, o arsenal americano foi reduzido em 84%, de um total de 31.225 armas nucleares que o país tinha em 1967.

Segundo a Federação de Cientistas Americanos, órgão sem fins lucrativos, o número não inclui as armas nucleares desativadas, que aguardam desmontagem – estimadas em cerca de 4.600.

O Tratado de Não-Proliferação Nuclear (TNP) é considerado o pacto de armas nucleares mais importante do mundo, responsável por evitar a proliferação delas para dezenas de países desde que entrou em vigor, em 1970.

Os membros do tratado se reúnem a cada cinco anos para discutir novas abordagens do tema. Os únicos países que não são signatários são Índia, Paquistão, Coreia do Norte, todos países que têm arsenal nuclear ou programas de armas, e Israel, que tem um arsenal nuclear não reconhecido.
Em três das sete últimas conferências, os membros não conseguiram chegar a um consenso de declaração, inclusive em 2005, quando a administração americana do presidente George W. Bush não estava disposta a discutir controle de armas.

Leia Também