Sexta, 24 de Novembro de 2017

Estado reivindica a readequação dos juros do Fundo Constitucional

13 FEV 2010Por 07h:49
O Conselho Estadual de Investimentos Financiáveis pelo Fundo Constitucional do Centro-Oeste (CEIF/FCO) aprovou, na quinta-feira, R$ 22,6 milhões em financiamento para projetos em 18 cidades de Mato Grosso do Sul. O valor atende a 22 propostas tradicionais e 39 simplificadas do setor rural. Os pedidos de financiamentos são, principalmente, dos setores do comércio, serviços e produção de florestas. O conselho também decidiu solicitar readequação dos encargos financeiros do FCO ao Ministério da Integração Nacional. Em 2009, o Fundo desembolsou R$ 59 milhões para 73 operações, segundo a Secretaria de Produção e Turismo de MS (Seprotur). No próximo dia 25, os encontros regionais de orientação para pedidos de financimanto pelo FCO recomeçam na cidade de Mundo Novo, na Câmara Municipal, às 19 horas. Outras reuniões do “FCO Itinerante” estão marcadas em Dourados (18 de março), Aparecida do Taboado (15 abril), Aquidauana (20 de maio), Rio Brilhante (17 de junho), Itaquiraí (15 de julho), Fátima Do Sul (19 de agosto), Camapuã (16 de setembro), Corumbá (21 de outubro), Cassilândia (18 de novembro) e Rio Verde (09 de dezembro).

Leia Também