Quinta, 23 de Novembro de 2017

“Ensaio geral” reúne coreografias selecionadas para festival

8 JUL 2010Por 10h:08
Thiago Andrade

“A dança contemporânea, diferentemente do balé ou da dança moderna, carrega em si diversas vertentes que são agrupadas sob o mesmo nome. Ela leva ao palco o pensamento contemporâneo, que é tão híbrido, de forma artística”, explica o coreógrafo Chico Neller sobre o que o público irá presenciar hoje, às 20h, no espetáculo “Ensaio geral”. Três companhias por ele dirigidas sobem ao palco e apresentam trechos de diversos trabalhos. A apresentação acontecerá no Teatro Aracy Balabanian, como parte da programação do “Cena som”.
Para o trabalho que será encenado hoje à noite, Neller destaca que é composto por coreografias enviadas para o Festival de Dança de Joinville, do qual foi o único sul-mato-grossense selecionado para a mostra competitiva. “Fomos selecionados com ‘De todo íntimo’, da Ararazul Cia. de Dança, mas queria mostrar ao público outros trabalhos que foram enviados”, detalha. Além da companhia de dança da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), participam de “Ensaio geral” a Cia. do Mato e a Cia. Dançar, projeto que conta com a parceria da Prefeitura Municipal.
“Acredito que as coreografias têm ligações entre si. Procuro explorar nelas as relações humanas e, para isso, utilizei algumas daquelas vertentes da dança contemporânea. É um trabalho de exploração e pesquisa. As coreografias da Ararazul, que abrem e fecham o espetáculo, já são mais focadas no contexto regional, tratando de questões como costumes e a cultura do Estado”, destaca o coreógrafo. “Ensaio geral” tem duração de 60 minutos e conta com a participação de diversos bailarinos.
Para a participação no Festival de Dança de Joinville, Chico Neller afirma que a Ararazul Cia. de Dança está se preparando. “Estamos fazendo ensaios e todo o possível para dar o melhor no festival. A dança de Campo Grande merece esse título”, pontua o diretor e coreógrafo. Ele já recebeu o prêmio de Melhor Coreógrafo no festival com a Cia. do Mato, obtendo os primeiros lugares nas categorias solo livre contemporâneo feminino e trio livre contemporâneo.

Leia Também