Sexta, 24 de Novembro de 2017

Empresa “faz- tudo“ investigada em Dourados

5 MAI 2010Por 06h:07
Fábio Dorta, de Dourados

A Prefeitura de Dourados, por meio da Secretaria Municipal de Educação, firmou cinco contratos, no valor total de R$ 313,5 mil, com a Ribas & Cia Ltda-ME, empresa que funciona em uma velha casa de madeira na periferia da cidade e tem mil e uma utilidades: oferece de uniformes a hortifrutigranjeiros; confecções para cama, mesa e banho a lavanderia. No entanto, terceiriza todos os serviços contratados. Os negócios vão ser investigados pela Comissão de Educação da Câmara Municipal.

A empresa pertence ao empresário Irineu Fernandes Ribas, mas é administrada pela filha dele, Maria Aparecida Ribas, e o genro, Fabiano Franco Aguero. Em frente à casa que funciona como sede da empresa, localizada na Rua Guanabara, no Bairro Jardim Maipu, foi instalada uma placa identificando o local como “ponto de referência”.

Mesmo funcionando em uma sede bastante acanhada, a placa identifica a empresa como sendo bastante eclética, estando habilitada para comercializar desde camisetas e uniformes até hortifrutigranjeiros, alimentos em geral e, etc. Fabiano Aguero disse ao Correio do Estado, que reside no imóvel com a esposa.

Questionado do fato de uma empresa com sede tão acanhada ter vencido licitações para compra, confecção e lavagem de uniformes escolares e para a banda municipal e fanfarras das escolas públicas, além produtos de cama, mesa e banho para as creches, Aguero afirmou que o local funciona apenas como escritório e informou que todo o serviço é terceirizado.

Negócio legal
A Câmara Municipal de Dourados recebeu ainda denúncia de que a Ribas & Cia estaria habilitada na Junta Comercial apenas para comercializar produtos alimentícios, como frutas, verduras, legumes e hortaliças. O fato foi contestado tanto pela empresa quanto pela Assessoria de Comunicação da Prefeitura (Assecom).

Segundo eles, a empresa foi fundada em janeiro de 2008 com objetivo de comercializar produtos alimentícios, mas em maio do mesmo ano pediu alteração contratual, ampliando a área de atuação para vários outros produtos, inclusive camisetas, uniformes, calçados, serviços de limpeza e lavagem de produtos. Os contratos com a Secretaria Municipal de Educação foram firmados a partir de abril de 2009.

Conforme a Assecom, a empresa participou das licitações e foi vencedora, obedecendo a todos os critérios legais e a cópia da alteração contratual, permitindo a participação na licitação para fornecimento desses materiais, está anexada à documentação da empresa no Departamento de Licitações da prefeitura.

Leia Também