Sábado, 25 de Novembro de 2017

Em 9 horas, trânsito mata 2 motociclistas

30 JUL 2010Por 07h:59
bruno grubertt | michelle rossi

Dois motociclistas morreram em acidentes em período inferior a 9 horas entre a noite de anteontem e manhã de ontem em Campo Grande. Douglas Willian Lemes Dizin Machado, de 21 anos, morreu ao ser atropelado por uma carreta, ontem de manhã, no Bairro Universitário, em Campo Grande. No outro acidente, a vítima foi Everton Góes Silveira, 23 anos, no Bairro Santo Antônio.
O acidente que provocou a morte de Douglas Willian aconteceu por volta das 8 horas, na esquina da Avenida Gury Marques com a Rua Elvira Matos de Oliveira, próximo ao Terminal Guaicurus.
Ao fazer uma conversão, o motorista do caminhão não viu o motociclista e, após o impacto, moto e o corpo de Willian foram esmagados pelos pneus da carreta.
 De acordo com Gisleine Barros Freitas, que pilotava outra motocicleta ao lado da vítima, o motorista da carreta, com placas do Paraná, seguia na mesma direção – sentido do centro até o bairro – e virou à direita sem sinalizar a conversão. A jovem afirmou que também quase foi atingida pela carreta. Segundo ela, que buzinou para tentar avisar o caminhoneiro e evitar que o veículo  esmagasse a vítima, Douglas seguia a uma velocidade de, aproximadamente, 80 km/h.
Porém, segundo versão do motorista da carreta, Jorge Araújo, de 48 anos, o motociclista tentou ultrapassá-lo pela direita e ele não conseguiu vê-lo antes de virar. Momentos depois do acidente, o caminhoneiro deixou o local e alojou-se na sede de uma empresa, com medo que moradores revoltados pudessem ter atitudes violentas contra ele. A carreta veio de Maringá (PR) e estava carregada com ração que ele entregaria em uma empresa no mesmo bairro do acidente.
Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e perícia estiveram no local.

Santo Antônio
Outro acidente, na quarta-feira à noite, envolvendo motocicleta resultou na morte do operador de vendas Everton Góes Silveira, 23 anos, na Avenida Júlio de Castilho no Bairro Santo Antônio em Campo Grande.
A morte ocorreu por volta de 23h, quando motociclista se chocou contra um ônibus do transporte coletivo da Viação Campo Grande. Segundo relatos do motorista do ônibus, Airton Gomes, 34 anos, o motociclista trafegava no sentido bairro-centro quando invadiu a pista contrária da avenida e bateu contra a lateral frontal esquerda do ônibus.
Estiveram no local equipes da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran) e peritos do Instituto de Criminalística para avaliar as circunstâncias do acidente. No entanto, ainda não foi possível identificar como o motociclista foi parar na pista contrária da Avenida Júlio de Castilho.

Leia Também